DESEJADOS

terça-feira, 26 de fevereiro de 2013

Que diversão realmente importa?



Por que eu tenho que gostar daquilo que todo mundo gosta? Se digo que estou feliz, me perguntam se eu fui à alguma balada, se agarrei algum boysinho, se to “pegando” alguém. Se digo que estou triste, logo me dizem que estou precisando me divertir, ir à uma balada.

  
Por que estas pessoas não entendem que balada não é sinônimo de diversão? Balada é uma entre muitas maneiras de se divertir, mas não a única. E se eu não gostar de balada de jeito nenhum, então pra mim balada é mesmo que nenhuma diversão. A sorte (ou azar?) é que eu até gosto (ou gostava?) um pouco.

 Bem... Futuramente voltaremos a falar de sorte e azar. Para quem vive em Cristo, as coisas boas não são questão de sorte, são bênçãos alcançadas pela fé!
  
Eu gosto sim de balada, mas não tenho vontade de ir sempre, de fazer disto minha principal fonte de diversão. Minha maior diversão é cultivar as coisas simples da vida, que geralmente não custa nada ao meu bolso e nem à minha moral e valores. Minha maior diversão é fazer o que eu quero, o que eu gosto, quando eu quero, como eu quero, onde eu quero e com quem eu quero.
  
O que realmente importa na vida? Não sei na sua e não sei se na sua vida você coloca em prática aquilo que realmente importa. Sei que eu sei o que realmente importa na minha vida e na vida de um modo geral. Qual o problema em “querer” (EU QUERO) colocar em prática aquilo que realmente importa?
  
Não me importa se você me acha chata, ainda que eu prefira ser e sentir-me querida. Mas isso já não me importa mais, pois sei que para Deus eu sou mais que legal, mais que querida, e mais que especial. Ele me ama do jeitinho que eu sou, com todos os meus defeitinhos, inclusive aqueles que até eu desconheço.
  
Eu não gosto de estar direto em baladas. Não gosto de ir à praia no horário entre 9 horas às 16 horas. Não gosto de lugares apertados. Não gosto de elevador, nem metrô... Não gosto de ficar em pé por muito tempo. Não gosto de regras (ou gosto?). Não gosto de sair todo final de semana.
  
Sou chata? Não gosto do que “todo mundo” gosta? Problema seu que está incomodado com isso e pensando que isso é um problema meu.
  
Gosto de escrever, de ler, fotografar, orar, ir à igreja, louvar, conversar, assistir filmes, ouvir música antiga, comer pizza, A-BRA-ÇAR! Sou viciada em computador e chocolate. A-DO-RO quando meu irmão faz pipoca doce daquele jeito ma-ra-vi-lho-so que só ele sabe fazer, arrojada de leite moça NESTLÊ, e passamos a noite assistindo comédia. A-DO-RO dormir bastante, acordar e comer banana machucada com aveia QUAKER. Tomar café com leite em pó antes de ir pra faculdade.
  
Eu me divirto com o que, pra mim, realmente importa! E você?



ESCRITO POR "MIM" EM 10 de Agosto de 2011

Um comentário:

  1. É ISSO MESMO FILHA, JÁ ESTAMOS EM 2014 E VOCÊ CONTINUA COM OS MESMOS GOSTOS E AS MESMAS QUALIDADES, TE AMO MUITO MINHA JOIA RARA, ADORO ESSE SEU JEITINHO.

    ResponderExcluir

Top Postagens